eSocial Web Simplificado para MEI- aprenda na prática

esocial mei

eSocial Web Simplificado para MEI- aprenda na prática     

Desde o último dia 25 de Outubro, os segurados especiais e Microempreendedores Individuais que possuam funcionários contratados já podem utilizar o eSocial Simplificado para enviar as informações e gerar a guia DAE (Documento de Arrecadação do eSocial).

O eSocial é uma plataforma digital e nela são escrituradas as obrigações fiscais, trabalhistas e previdenciárias. O módulo simplificado foi desenvolvido exclusivamente para MEI e segurados especiais.

Seu intuito é deixar o processo mais simples, eficaz e seguro para transmitir as informações ao Governo e também emitir a guia de recolhimento DAE diretamente no portal.

Mas você conhece o ambiente do eSocial? Sabe como enviar e emitir a DAE? Pensando nisso decidimos elaborar um guia prático e rápido para auxiliá-los na entrega.

Contudo se possuir dúvidas, sempre busque ajuda de um profissional que possua conhecimento, assim evitará erro no envio e problemas futuros com o Governo.

Continue a leitura e confira!

Mudanças nas obrigações do MEI em relação ao funcionário

O eSocial inovou o modo de transmitir as informações para o Governo referente ao funcionário e a Resolução nº 160 de 17 de Agosto de 2021, trouxe algumas modificações que vamos comentar no decorrer do artigo.

De acordo com a Resolução nº160, através do eSocial o MEI, pode gerar e emitir  a guia DAE (Documento de Arrecadação do eSocial) e nela estariam agregados os valores de INSS e FGTS sobre a Folha de Pagamento do Funcionário do MEI, sendo assim, seria a extinção de entrega da Sefip.

Porém a Receita Federal, informou através da Resolução 161/2021 de 29/10/2021 que o MEI deverá cumprir as obrigações previdenciárias, relativas ao FGTS por meio do eSocial e realizar o recolhimento do DAE até o dia 07 do mês seguinte com vigência 01/01/2022.

O prazo anteriormente previsto na Resolução CGSN 160/2021 para o cumprimento dessas obrigações era dia 20 do mês seguinte e vigência a partir de 01/10/2021.

Até aqui você já sabe o que é o eSocial simplificado e o que esta contido na DAE, portanto vamos ao guia prático para realizar a entrega dessa obrigação.

Mas lembre-se: Se houver dúvidas, procure ajuda de um profissional qualificado para realizar a entrega dessa obrigação.

 

Guia prático para entrega do eSocial WEB Simplificado- MEI

 

1º Ir para o site para realizar a entrega

eSocial módulo simplificado

2º Acessar o módulo Simplificado

Ele esta disponível para o empregador doméstico, Segurado Especial e MEI, para acessar basta informar o CPF/CNPJ, código de acesso e senha ou fazer o login através do gov.br.

acesso esocialFonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

3º Após entrar no portal eSocial

Aqui você precisa escolher o seu perfil de acesso, no caso de exemplo, estamos utilizando o responsável legal pela empresa, CNPJ e selecionando a opção: Simplificado Pessoa Jurídica.

login e senha esocial

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

4º Cadastrar o funcionário no portal

Nessa etapa você irá realizar o cadastro do seu colaborador informado todos os dados pessoais, seguindo a ordem de preenchimento determinada pelo eSocial.

admitir- esocial

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

 

5º O processo para finalizar o cadastro do funcionário, conta com seis etapas conforme imagem abaixo:

seis etapas - esocial

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

6º Depois de preencher as seis etapas seu cadastro foi concluído com sucesso

 

final cadastramento- esocial

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

7º Agora você pode imprimir os dados cadastrais e o histórico de movimentação

Imprimir folha de pagamento

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

8º Gerar a folha de pagamento

Após efetuar o cadastro do funcionário você vai gerar a folha de pagamento, para isso basta clicar em: Dados da Folha de Pagamento.

Gerar folha de pagamento

 

 

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

9º Conforme as informações prestadas no cadastramento do funcionário o sistema já traz os valores referente a folha, igual imagem abaixo:

apuração folha

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

10º Prévia guia DAE

Depois de conferir os valores da folha de pagamento, basta  clicar em finalizar e o sistema irá trazer a prévia do DAE.

previa DAE

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

11º Como gerar o DAE?

Para obter o DAE, clique em: Acesse a página de Edição da Guia e o sistema irá redirecionar para o portal que a DAE será gerada.

  gerar DAE

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

12º Último processo: Emissão do DAE

Se você chegou até aqui, parabéns!

Isso significa que você cumpriu sua obrigação com o Governo e já pode emitir o DAE para recolhimento conforme imagem abaixo:Guia DAE

Fonte: Bruna Castro- para Escola Contábil

Podemos concluir que realmente o processo ficou mais ágil e fácil para informar e cadastrar o funcionário.

Vale lembrar, somente é obrigado a entregar o MEI que possui empregado ou que contratem trabalhador sem vínculo. Caso não se enquadre nessas condições não há necessidade de enviar o eSocial.

Esperamos que esse artigo ajude vocês nesse processo de adaptação com a nova funcionalidade.

Você já conhece a Escola Contábil?

A Escola Contábil chegou ao mercado para ser uma verdadeira solução para as lacunas deixadas pelas universidades na formação de profissionais.

Então, na Escola Contábil você encontrará desde cursos completos para Exame de Suficiência e Exame de Qualificação Técnica, como também dezenas de cursos voltados para a prática profissional.

Tudo isso por apenas R$ 49,90 por mês.

Mas o que você encontrará na Escola Contábil:

  • Preparatório para Exame de Suficiência Curso para o Exame de Qualificação Técnica (Perito e Auditor);
  • Curso completo de IRPF;
  • Tudo sobre MEI;
  • Empreendedorismo Contábil;
  • Curso Prático de HP-12C;
  • Perícia Contábil na prática;
  • Dicas de como se sair bem em entrevistas;
  • Contabilidade Pública do ZERO;
  • Rotinas Contábeis;
  • Rotinas Trabalhistas, incluindo E-Social;
  • Sped Fiscal;
  • Excel na prática;
  • Simples Nacional
  • Lucro Presumido
  • Contabilidade Rural
  • SPED Fiscal, EFD Contribuições e REINF
  • Captação de Clientes

E muito mais… Em outras palavras, a Escola Contábil é o que faltava para você se tornar de vez um profissional de excelência no mercado de trabalho.

Começamos a dar aula exclusivamente para o público contábil em 2019, e, nesse meio tempo, mais de 16.000 alunos de matricularam em nossas turmas.

Com tamanha repercussão, decidimos unir tudo em um único lugar, criando a Escola Contábil, cuja finalidade é, acima de tudo, privilegiar o aprimoramento de nossos alunos.

Definitivamente, pelo que entrega, este curso tem um valor quase que módico.

Enfim, gostou? Então conheça um pouco mais CLICANDO AQUI!

Compartilhe esse conteúdo

Marcadores

Deixe Seu Comentário

Artigos Relacionados

Quer ficar por dentro das últimas novidades da área contábil?

Inscreva-se na nossa newsletter e tenha nossos conteúdos em primeira mão.

Assine agora a Escola Contábil e aprenda o que a faculdade não ensinou!

Torne-se um profissional diferenciado no mercado de trabalho. Estude com professores objetivos e atualizados! Tudo isso sem sair de casa!

© 2021 Escola Contábil. Todos os direitos reservados.